4 bons motivos para gostar de Efterklang

0
593

EFTERKLANG-Magic-Chairs-550x550

Esse blog não é essencialmente sobre música, mas acredito que quando um artista consegue passear por outras áreas, seja video, moda, arte, whatever, esse feito merece ser compartilhado. São inúmeros os casos que posso citar, de Lady Gaga a iamwhoiami. Hoje o tema do post é oEfterklang, banda dinamarquesa que tocou recentemente aqui no Brasil. Resolvi listar 4 bons motivos que comprovam o quanto eles são legais.

1. An Island, um filme de Vincent Moon.

A3-poster-550x777

Vincent Moon dirige video-clipes e é o homem por trás do La Blogotheque, projeto que já filmou mais de 200 músicos em apresentações geralmente intimistas. No final do ano passado ele esteve aqui no Brasil para palestrar e gravar uma série desses Take-Away Shows e acabou registrando imagens de vários artistas brasileiros, como a banda Holger e Ney Matogrosso. Em seu primeiro longa metragem, que estreiou internacionalmente anteontem (01/02/11), Moon resolveu fazer um documentário sobre o Efterklang chamado An Island. O filme, em Creative Commons, mostra a reunião de mais de 200 músicos naturais das ilhas dinamarquesas para interpretar as músicas de “Magic Chair”, terceiro disco do grupo.

No site www.anisland.cc dá pra encontrar mais informações sobre o projeto, além de baixar o poster oficial em alta resolução e até se oferecer para reproduzir a sua própria sessão oficial e gratuita. De acordo com as datas da agenda, An Island será exibido em São Paulo dia 26/03, na próxima edição da PechaKucha cialis online overnight Night.

2. Efterkids.

Efterkids é uma iniciativa da banda em parceria com a Special Music School para icentivar a educação musical em escolas públicas. Além de assistir as apresentações dos dinamarqueses junto com crianças talentosas ao redor do mundo, no site do projeto os professores podem baixar e utilizar em suas aulas todo o material das músicas Full Moon e Natural Tune.

3. Efterklang & The Danish National Chamber Orchestra

hvasshannibal-ek-live11-550x393

Em 2008 a banda se reuniu com a orquestra Danish National Champer e foi responsável por uma das apresentações mais bonitas de todos os tempos. O cenário que abusa das formas geométricas e o figurino de duende meets Terra Média foram o suficente para criar uma atmosfera incrível. Uma pena esse show, que pelo menos se tornou um DVD, não ter vindo para o Brasil.

4. Os clipes são um caso a parte

 

Desde o mais famoso, a animação para a música Mirator (do primeiro CD Parades, 2007), até os mais recentes, como o de I Was Playing Drums (o meu favorito), os clipes são ótimas referências visuais indies. Com florestas, fios coloridos, glitter, campos abertos com animais selvagens e gente pelada, eles passam para estética exatamente o espírito livre, otimista e doce que a banda apresenta ao vivo.

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES GRÁTIS
Enviamos nossos novos posts por e-mail para que você não perca nenhuma novidade!